Entidades do Brasil e Paraguai se unem em favor do mercado de casa e decoração

São Paulo, SP 19/11/2021 – Durante muitas décadas o comércio foi focado na China, agora temos mais oportunidades para incentivar o mercado local.

Aproximação marca o início de diversos projetos para facilitar a relação comercial entre os países.

Mesmo impactado pela pandemia e desaceleração do comércio, o setor de casa e decoração brasileiro movimentou mais de R$ 87 bilhões de reais no varejo em 2021 e atingiu a marca de R$ 42,6 bilhões em produção local, segundo dados do IEMI. Já a nível internacional, os valores de importações e exportações realizadas por empresas brasileiras caíram quase 16% e 3,7% respectivamente em comparação com 2019, resultado da instabilidade econômica do país e aumento das taxas aduaneiras. 

A queda dos índices do setor no comércio exterior foi uma das pautas da reunião realizada no último dia 10/11, em São Paulo, entre representantes da ABCasa (Associação Brasileira de Artigos para Casa, Decoração, Presentes, Utilidades Domésticas, Festas, Flores e Têxtil) e o Ministro da Indústria e Comércio do Paraguai, Luís A. Castiglioni. Outros líderes e autoridades paraguaias estiveram presentes na reunião que formalizou a aproximação dos países através da assinatura de Acordos de Cooperação Mútua entre a ABCasa e o Ministério da Indústria e Comércio do Paraguai e Câmara de Comércio Paraguai-Brasil. Os convênios pretendem facilitar os trâmites burocráticos para transações internacionais e criar oportunidades de negócios para indústria e varejo na América do Sul.

Para Estefanía Laterza, embaixadora da REDIEX, o acordo é essencial para o desenvolvimento comercial entre os país e para aquecer a economia da região. “Durante muitas décadas o comércio foi focado na China, agora temos mais oportunidades para incentivar o mercado local. São muitas as possibilidades, tanto para trazer os produtos do Paraguai para o Brasil quanto para exportar produtos brasileiros para o nosso país.”

Durante a reunião, foram discutidos os primeiros projetos que irão proporcionar oportunidades para negociações entre profissionais da indústria dos dois países. Uma delas é a ABCasa Fair, feira B2B (business to business) de artigos para casa e decoração que acontece de 07 a 11 de fevereiro de 2022 em São Paulo. A feira receberá delegações de diversos países, incluindo o Paraguai. “Como países irmãos, devemos fazer o maior intercâmbio de bens e serviços possível”, comentou Oscar Mersán, vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil-Paraguai.

Além de promover os produtos do setor de casa produzidos no Paraguai, o vínculo entre os mercados pretende dar mais força a outros segmentos que valorizam as culturas locais. Raúl Cano, vice-ministro de Relações Econômicas e Integração do Paraguai disse: “O mercado brasileiro irá conhecer um pouco mais da produção paraguaia, principalmente dos produtos de artesanato que têm um impacto social e de gênero importante no nosso país”.

“Analisamos diversas oportunidades de investimentos que estão disponíveis para os brasileiros no Paraguai” comentou Eduardo Turqueto, presidente da ABCasa. “Entre os diversos projetos que temos está a realização de rodadas de negócios em Assunção e Ciudad del Leste com apoio do governo paraguaio. É uma troca que irá gerar muitos negócios para as duas economias”, finalizou.

Website: http://www.abcasa.org.br

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.