Filtragem industrial garante qualidade da água em diferentes setores

São Paulo – SP 13/10/2021 –

A conformidade com a lei e a responsabilidade com os clientes faz com que as empresas estejam cada vez mais preocupadas com a filtragem industrial.

Um estudo da Agência Nacional de Águas (ANA), divulgado por meio do relatório “Conjuntura dos Recursos Hídricos no Brasil”, apontou que a demanda por água no Brasil cresceu 80% nos últimos 20 anos. O relatório projeta ainda que até 2030 esse número deve aumentar mais 30%. Isso mostra a essencialidade dos processos de filtragem industrial em diversos setores.

A água é um componente básico para a sobrevivência humana. Por meio dela é possível obter uma fonte natural de hidratação para o organismo. Mas, além disso, a água é utilizada para uma série de outros fins, como durante o preparo de alimentos, na limpeza, na fabricação de produtos. Ou seja, a filtragem industrial, de maneira direta ou indireta, está presente em tudo o que se é consumido.

Quando se fala em filtragem industrial é necessário se atentar a uma série de procedimentos internos, como explica o gerente da empresa especialista em sistemas de tratamento de água e filtragem Asstefil. “De nada adiantam os esforços da empresa em outros departamentos se a água utilizada não for de qualidade. Seja qual for a fonte, é necessário que ela passe por tratamento e filtragem industrial, para então ser utilizada na produção para evitar que substâncias nocivas à saúde estejam presentes no produto final”, explicou Fábio de Oliveira.

O processo de filtragem industrial tem como objetivo realizar a separação das partículas, ou seja, retirar as impurezas da água. O sistema a ser utilizado vai depender do estado das partículas, que podem ser líquidas, sólidas ou gasosas. “A partir da análise do estado do material, é definido o sistema de filtração. As empresas brasileiras contam com o processo de filtragem industrial em um ou mais setores. Eles são fundamentais para a remoção de qualquer substância indesejada, como: sais minerais, partículas sólidas e microrganismos”, afirmou Oliveira.

Indagado sobre quais os segmentos da indústria que carecem desse tipo de serviço, ele foi categórico em afirmar. “Todos os setores devem explorar os sistemas de filtragem industrial. Destaco os setores de serviço, farmacêutico e de saúde”, pontuou o gerente da Asstefil. Segundo o especialista, para cada setor existem soluções personalizadas. “Elas garantem o padrão de cada setor, conforme a determinação dos órgãos competentes. Para fazer a escolha assertiva, a recomendação é solicitar o auxílio de profissionais especialistas. Eles poderão indicar o melhor sistema de tratamento para cada segmento da indústria”, disse.

Por fim, Oliveira reforçou que os sistemas de tratamento de água são primordiais para garantir a qualidade do produto e também os efeitos indesejados ao meio ambiente, quando se faz o tratamento de efluentes. “É importante que as empresas estejam em dia com a manutenção dos equipamentos de filtragem industrial, a fim de garantir o resultado esperado. Se atentar a isso é sinônimo de responsabilidade e conformidade à lei, motivos que tornam a busca pelos sistemas mais que um auxílio, mas uma necessidade”, finalizou.

Website: https://asstefil.com.br/

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.