Comparativo dos principais cursos de perícia grafotécnica do Brasil

São Paulo, SP 12/11/2021 – A média de honorários periciais grafotécnicos é de R$ 3.000,00, mesmo se o perito não tiver experiência na área

Com a alta demanda em perícias grafotécnicas, comparativo destaca os principais cursos do mercado.

Segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), existem 75,4 milhões de processos em andamento em todo o país. Em meio a esse abissal número de processos, o Judiciário ainda enfrenta um enorme déficit de peritos judiciais, até pela enorme capilaridade que há em um país continental como o Brasil. E quando se fala em peritos grafotécnicos, este déficit é ainda maior, tendo em vista os diversos processos parados na Justiça, justamente pela escassez deste profissional no mercado.

Percebendo essa enorme demanda, surgiram alguns cursos livres para formação de peritos grafotécnicos, os quais não precisam ser reconhecidos pelo MEC, já que a profissão não necessariamente exige curso superior, uma vez que não existe graduação nesta área. Também não é necessária a inscrição em órgão de classe, tendo em vista que não existe conselho oficial que rege a profissão de perito grafotécnico.

As vantagens da profissão são muitas, pois há liberdade para trabalhar em qualquer lugar com internet, a hora que quiser e com ganhos consideráveis, já que a média de honorários periciais grafotécnicos é de R$ 3.000,00, mesmo se o perito não tiver experiência na área, mas há casos relatados de honorários de até R$ 80.000,00 em um único processo.

E já que a profissão é tão atraente, fizemos um comparativo entre alguns dos principais cursos do mercado, para facilitar a decisão de quem deseja atuar como perito grafotécnico. Os cursos escolhidos foram o da Jus Expert, Conpej, Beta e Academia do Perito.

As informações foram retiradas dos sites das próprias empresas, divulgações em vídeos na internet e através de pesquisas. Não foi comparado o investimento para adquirir cada um, porque ao analisar preços, não se avalia o real o valor intrínseco de cada curso.

A primeira comparação realizada, foi acerca dos professores. Na Jus Expert quem comanda as aulas é professor Gleibe Pretti, famoso na internet com mais de 30 mil inscritos em seu canal no YouTube e com 285 processos indexados pelo site JusBrasil. Pretti é perito judicial grafotécnico e assistente técnico há mais de 10 anos, além de advogado e autor de mais de 70 livros, inclusive dois sobre perícia judicial.

No curso Beta, quem ministram as aulas são 3 professoras. Rosaura Blandy, advogada e perita com experiência de 146 processos indexados no site Escavador; Prof. Luciana Boschi, psicóloga, perita grafológica autora de 3 livros e perita grafotécnica; e Prof. Fabiana Machado Monteiro, perita grafotécnica e documentoscópica. Somadas, as 3 professoras, chegam a quase 500 inscritos no YouTube.

No Conpej, dois professores se revezam no curso. O professor Paulo de Salvo é perito em documentoscopia e grafotécnica; Já Patrícia Martins Vicente é perita em Grafologia, além de psicóloga.

Na Academia do Perito, a professora é Jacqueline Tirotti, que também tem seu canal no YouTube com cerca de 10 mil inscritos e com 259 processos indexados no site JusBrasil. Jacqueline é bacharela em Direito e por influência do pai, começou a periciar, sendo ambos autores do livro Pericia Grafotécnica para Iniciantes.

Todos os cursos oferecem aulas on-line, sendo que a Jus Expert e Conpej, tem aula on-line ao vivo também. O aluno tem acesso ao curso da Jus Expert por 365 dias, enquanto no Beta e Academia do Perito são 180 dias, já o Conpej são duas aulas ao vivo.

A carga horária também é um fator que pode ser fundamental na escolha do curso, isto porque muitos tribunais exigem o mínimo de 21 horas de curso. Atualmente, a Jus Expert tem 50 horas de duração no curso de grafotécnica, enquanto o Conpej e a Academia do Perito têm o mínimo exigido, 21 horas. Já o curso Beta, tem 20 horas de carga horária, se somados todos os certificados relativos a grafotécnica em si.

Foram analisados também os bônus que cada escola oferece, já que pode ser um diferencial entre os peritos na hora de ser nomeado. Neste quesito, a Jus Expert oferece como bônus o curso de documentoscopia com certificação. Essa questão acaba sendo importante, porque alguns tribunais só aceitam a inscrição para perícia grafotécnica, se o aluno também apresentar especialização em documentoscopia.

Além desse bônus, a Jus Expert e o curso Beta ainda oferecem curso de Perito Judicial, ideal por exemplo, para médicos e engenheiros, entre outras profissões, pois o aluno usa essa certificação para atuar na sua própria área, de perícia médica e em imóveis respectivamente, além da grafotécnica.

Por outro lado, o curso de Perícia Judicial no Conpeg e Academia do Perito é vendido a parte, assim como o curso de documentoscopia também não é oferecido, inclusive no curso Beta. Para completar os bônus dos cursos, a Jus Expert ainda dá aulas de Avaliador de Bens Móveis e de Investigador de Usucapião, deixando o currículo do aluno com até 5 certificados profissionalizantes e 5 vezes mais possibilidades de ser nomeado pela Justiça.

Por outro lado, o curso Beta oferece como bônus, curso de Assistentes Técnicos Judiciais, curso de Exercícios de Perícia Grafotécnica e curso de Laudos de Perícia Grafotécnica. Já a Academia do Perito, oferece somente bônus seletivos, para alguns alunos. Entretanto, nenhum destes bônus garantem certificados profissionalizantes de fato, pois são matérias inerentes ao próprio curso de grafotécnica, como vemos por exemplo na Jus Expert, em que esses temas fazem parte do próprio conteúdo programático do curso, com mais de 100 aulas.

Vale ainda comparar o suporte ao aluno, já que pode ser temerário entregar um laudo pericial pela primeira vez a um juiz, sem que este seja revisado por um professor. Na Jus Expert, além do suporte de 6 meses diretamente com o professor e sua equipe, através do aplicativo Telegram, há também mentoria exclusiva no primeiro laudo do aluno durante o período do curso. Já no curso Beta, a assistência é dada pelo Departamento de Suporte por e-mail. No Conpej, as dúvidas são sanadas somente durante o curso de 2 dias. E na Academia do Perito, há um fórum de dúvidas postadas no próprio site.

Por fim, a Jus Expert oferece 15 dias de garantia, enquanto o Beta, Conpej e Academia do Perito oferecem 7 dias, prazo esse garantido pela própria Lei do Consumidor (artigo 49 do CDC).

Estes são os principais pontos que abordados, para que o pretendente a expert, possa escolher por si próprio o melhor curso de perícia grafotécnica.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.