Ocorreu nesta manhã (19/02) em Santo André, uma manifestação contra a reforma da previdência que impediu a saída de ônibus municipais e intermunicipais no terminal no centro cidade

O terminal no Centro de Santo André ficou com uma fila enorme de ônibus parados pelo início da manhã e o trânsito ficou bloqueado na região por várias horas. O terminal fica ao lado da estação da CPTM que ficou com as plataformas lotadas.

Movimentos sociais e sindical mantém esta segunda–feira (19) como dia de mobilizações, greves e protestos para pressionar o Congresso a cancelar e arquivar definitivamente a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que trata da reforma da Previdência.

“A nossa luta é para enterrar de vez a reforma e uma das estratégias é realizar uma forte mobilização no dia 19, com greves e paralisações, além de intensificar as ações nas ruas e nas redes. Nós não podemos aceitar, de forma alguma, que esse governo continue com esse tipo de medida contra os trabalhadores da periferia, como é o caso do Rio”, disse Vagner Freitas, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.