A prefeitura de Santo André em resposta exigida pela Lei de Acesso à Informação descreve os gastos das 255 mil impressões do jornal de prestação de contas 2017

A editoração, confecção e distribuição dos materiais aconteceram durante um mês de março de acordo com a necessidade, com o objetivo de levar a informação a toda população da cidade. Segundo informações prestadas, foram distribuídos 220 mil exemplares porta a porta em todos os bairros da cidade e o restante, 35 mil exemplares, foram distribuídos em eventos realizados pela Prefeitura, feiras de rua e avenidas de grande circulação.

O material trata de uma peça publicitária. Por isso, não consta expediente. Ele foi desenvolvido pela agência de publicidade que presta serviço para a Prefeitura, com conteúdo enviado pela Unidade de Comunicação e Eventos da Prefeitura.

O Jornal publicitário foi distribuído por servidores comissionados e servidores concursados em todos os bairros da cidade. As ações, de acordo com a nota, aconteceram nos finais de semana, fora do horário de expediente de forma voluntária.

Confira a íntegra a resposta >>> https://goo.gl/sKc84S

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.