A Unidade de Pronto Atendimento Central de Santo Andre estava completamente lotada.

A reportagem foi até o local para ouvir às pessoas que buscam consulta e a responsável pela unidade. O propósito era saber por que tanta gente queria consultar e quais os motivos dessa procura toda pelo atendimento de urgência e emergência. Para compreender melhor essa situação que gera comentários e até polêmica, conversamos com várias pessoas que aguardavam pela triagem, procedimento padrão em todas as UPAs.

Nos relatos é visível a inconformidade da população em relação à atual gestão Municipal por ter fechado simultaneamente sete unidades de saúde de forma arbitrária. Por coincidência encontrei lá atendendo ao ‘fervor’ do caos o médico e ex-prefeito Dr Aidan Ravin.” Veja só como está aqui, estamos com falta de profissionais e para ajudar a unidade tem que atender a demanda de outros locais é bem complicado.

Informações por Marcelo Ricci Uvinha – Canal RN

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.