Durante a sua fala na sessão desta terça-feira, o Vereador Luiz Alberto(PT), fez duras críticas ao Secretário de Mobilidade Urbana, Edilson Factori, alegando que nenhum de seus pedidos, pertinentes à sua pasta, foram atendidos.

” Fico irritado em ver tamanha incompetência por parte desse governo, em especial ao serviço de trânsito da cidade. Fiz um levantamento desse cidadão e não obtive boas referências dele dentro do executivo. Então espero que ele secretário, tenha o mínimo de bom senso e deixe o serviço para quem de fato, o faça bem”.

Seguindo o mesmo discurso o Vereador Sargento Lobo(SD), quer uma resposta por parte do governo em referência ao valor arrecadado com as multas no município, que segundo o Vereador, passa dos R$30 milhões, somente este ano. “O trânsito da cidade está às traças, grande parte da sinalização das vias estão apagadas e gostaria de saber o distinto do dinheiro.

O dilema para Luiz Alberto

As especulações sobre a ida do presidente da Câmara de Santo André, Almir Cicote (PSB), para o governo de Paulo Serra (PSDB) estão longe de cessar. E há um personagem interessado – e já consultado – em toda essa discussão: Luiz Alberto (PT). O petista é vice-presidente do Legislativo e, claro, se Cicote for alçado ao secretariado, ele vira comandante da Casa. Mas o prefeito tucano não quer um petista como presidente da Câmara. Emissários enviaram recados do Paço a Luiz Alberto: não há problemas em ele assumir a direção do Legislativo, desde que ele saia do PT. As discussões estão em curso. O grupo de apoio de Luiz Alberto vê como remota a possibilidade de ele sair do petismo. Mas ninguém duvida de mais nada.

Com informações Marcelo R.Uvinha do Canal RN. Acesse: http://rnwebradio.radio.pt
e Raphael Rocha do Diário do Grande ABC. Acesse: http://www.dgabc.com.br

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.